Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Bocage

por Miguel Bastos, em 06.01.22

bocage.JPG

O Bocage é muitas coisas: um habitat, de aspeto reticulado; um agroecossistema, de grande biodiversidade. É, também, o nome de um poeta. E um personagem de anedotas. O resto... o resto é paisagem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Saramago

por Miguel Bastos, em 16.11.21

Era uma vez um escritor que, aos 99 anos, começou a celebrar o seu centenário. Não chegou, no entanto, a fazer 100 anos. Pela simples razão que não chegara a fazer 99. Porque, muitos anos antes, tinha decidido ser eterno. Ou, se calhar, não decidiu. Terá sido uma parábola a decidir por ele. Uma parábola de Saramago.

Autoria e outros dados (tags, etc)

5.ª vaga

por Miguel Bastos, em 12.11.21

nicolas guillen.jpg

Há um poema, do cubano Nicolás Guillén, que fala do poder dos americanos, em Cuba, antes da revolução de 1959. A dada altura, escreve o poeta: "E, acima de tudo, cuidado / Os americanos vêm aí! " E continua: "Outras pessoas, que não eram tão ingénuas / Costumavam dizer / O quê, vêm aí? / Mas não estão cá já?"
Penso sempre neste poema, quando ouço falar da chegada de qualquer coisa má. A COVID, por exemplo, com a 5.ª vaga na Europa. Mas a COVID não vem aí. Porque nunca se foi embora. Porque está "cá já".

Autoria e outros dados (tags, etc)

Correio

por Miguel Bastos, em 07.07.21

carteiro.jpg

Dizem-me que os correios andam lentos. Mentira. O correio passa aqui à porta, de mota. Vem tão depressa, que um dia destes sou atropelado e vou parar aos anjinhos. Em correio azul.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sem papel

por Miguel Bastos, em 21.05.21

mais telefones na escola.jpg

O governo quer acabar com os exames e as provas em papel. Uma boa medida para estimular a utilização das ferramentas digitais. Já não era sem tempo. Com tantos telefones, tablets e computadores, os miúdos passam o tempo agarrados a livros e cadernos! Se eu os apanhar, um dia destes, a escrever poemas num caderninho, ou a ler um romance numa paragem de autocarro, vou-lhes dizer das boas: "Olha lá, meu menino, é assim que tu achas que vais passar nos exames, é?!"

Autoria e outros dados (tags, etc)

E ainda, e sempre

por Miguel Bastos, em 20.04.21

carlos carmo.JPG

David Bowie morreu, há 5 anos. Antes de morrer, deixou um disco onde abordou a chegada da (sua) morte. Dizem que é uma obra-prima, mas confesso que, apesar de ter o disco, fiquei tão triste, que me faltou coragem para o ouvir.

 
Carlos do Carmo morreu, no primeiro dia deste ano. E também deixou um disco. Mas, ao contrário do que aconteceu com o disco de Bowie, ando a ouvi-lo, repetidamente. Não sei bem porquê. Talvez porque a morte de Carlos do Carmo não tenha sido uma surpresa: sabíamos da fragilidade da sua saúde; sabíamos que tinha feito várias operações, delicadas. O "charmoso" já se tinha despedido algumas vezes - antes dessas operações - dizendo que não sabia se voltava. Dizia até, com graça, que o seu corpo já não tinha peças originais. Em 2019, anunciou, publicamente, que não iria voltar aos palcos.
 
"E ainda" - o novo disco - está longe de ser ligeiro. Tem o peso da grande poesia: de Herberto Hélder, Saramago e Sophia. Mas tem, também, a luminosidade de Vasco Graça Moura, numa "Mariquinhas" na idade da internet; ou de Júlio Pomar, a fazer troça do Portugal do "pão e vinho" requentado, dos tempos da troika.
 
"E ainda" é um disco pequenino (23 minutos), de um grande artista. Vem acompanhado de outro disco, ao vivo, chamado "Obrigado". Obrigado, nós, Carlos do Carmo. E até já, até logo, até sempre.
 
(Há, ainda, uma edição com o registo, em DVD, dos concertos e da gravação de "E ainda".)

Autoria e outros dados (tags, etc)

E a Poesia?

por Miguel Bastos, em 15.03.21

paulo condessa poesia a mesa.jpg

"E a Poesia? Mera alínea?", pergunta Sérgio Godinho no "Lamento de Rimbaud". A partir de hoje, há poesia em S. João da Madeira. Não há Raimbaud, mas há Herberto Hélder, Fernando Assis Pacheco ou Mário-Henrique Leiria. A "Poesia à Mesa" serve-se na internet. Uma janela de oportunidade, para quem não tem postigos.

https://www.rtp.pt/noticias/cultura/festival-poesia-a-mesa-comeca-hoje-em-sao-joao-da-madeira_a1304586

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comprar livros

por Miguel Bastos, em 11.02.21

camoes.jpg

Leio esta manhã: "Marcelo Rebelo de Sousa abre a porta à venda de livros". Pelo que percebi, as pessoas não andam a ler, porque a venda de livros tem estado limitada. A partir de hoje, as pessoas vão desligar as novelas e os futebóis, para se dedicarem (finalmente) àquilo que mais gostam: velejar na epopeia grega, desbravar o existencialismo francês, mergulhar no romantismo alemão. Cuidado Cristina, não abordes a lírica camoniana, no programa da manhã, e vais ver as audiências a cair a pique! Ou é isto, ou não estou a ver bem o problema. Excesso de Camões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Fada do lar

por Miguel Bastos, em 06.12.20
Primeiro, foi um curso intensivo sobre Marquês de Pombal, com o autor da mais recente biografia de Sebastião José de Carvalho e Melo.

Depois, uma conversa com Adriana Calcanhoto, sobre poesia e música, a política brasileira e a realidade portuguesa.

E, ainda, a memória de Eduardo Lourenço, a análise ao congresso do PCP e a morte do antigo presidente francês, Valéry Giscard d'Estaing.

Tudo isto, enquanto fazia a lida da casa. Se continuar assim, acabo uma fada do lar: com uma pós-graduação em História, um mestrado em Políticas Culturais e um doutoramento em Relações Internacionais.

Preciso de um rádio, uma vassoura e pouco mais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Publicidade

por Miguel Bastos, em 25.11.20

kate bush.jpg

Bush é bom. (Desculpem, hoje acordei um bocado onílico).

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2022

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D