Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Anos 70

por Miguel Bastos, em 15.12.22
- Gostas da minha roupa, pai?

- Gosto, estás muito giro.

- É um estilo anos 70.

- É?! Porquê?

- Então, não reparaste, pai?

- Em quê?

- Estou a preto e branco. Ah! Ah!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pizza

por Miguel Bastos, em 24.10.22

- Gostaste da pizza, pai?
- Gostei, mas era muito grande. Vi-me grego para comer tudo.
- Isso não faz sentido, pai.
- O quê?
- A pizza... é italiana.
- E...?
- E tu sentes-te grego?!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pai pop

por Miguel Bastos, em 13.10.22
 - Este, aqui, és tu pai?

 - Claro, quem é que querias que fosse?

 - Estás diferente!

 - Bem, essa fotografia tem mais de 20 anos.

 - Tinhas um estilo muito pop.

 - Isso é um elogio?

 - Sabes, aqueles bonecos pequeninos, com uma cabeça muito grande e bué de cabelo?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Onde estás tu, papá

por Miguel Bastos, em 18.03.22

"Onde estás tu, papá?", canta Stromae em "Papaoutai". "Onde estás tu, papá? Onde é que te escondeste?", pergunta angustiado. A mãe tenta dar-lhe conforto: "Ele não está longe. Foi trabalhar. Sempre é melhor do que estar mal-acompanhado". É impossível não pensar na história do próprio Stromae / Paul Van Haver: filho de mãe belga, orfão do genocídio de 1994, no Ruanda. Mas é, também, difícil não pensar em tantas crianças que, por estes dias, estão a perder os pais (provisória ou definitivamente). "Toda a gente sabe como é que se fazem os bebés", diz Stromae, "Mas ninguém sabe como é que se fazem os papás". Não, não sabe. Desconfio, porém, que se fazem com filhos. Esses, que, agora, estão a separar dos pais.

Autoria e outros dados (tags, etc)

O mundo: dentro e fora

por Miguel Bastos, em 15.01.22
 
 20220115_100534.jpg

 

"(...) os homens não falam entre si. Nas famílias, as palavras estão entregues às mulheres. Os homens gerem silêncios, aqui e ali entrecortados." Apanho a frase, na revista do Expresso. É da semana passada. Já devia, portanto, ter ido para o lixo. Mas não foi. Demora-se sempre mais tempo do que é suposto: na secretária, na prateleira, ao lado da cama. A revista ficou, ali, aberta: pronta para ser lida. Às vezes, não chega a ser. Os jornais dão-nos mais, muito mais, do que conseguimos ler. São um caleidoscópio do mundo, que esperamos ordenar. Mas acabam, eles próprios, espalhados e desordenados: pela casa; pelo mundo.
A frase inicial é de Davide Enia - um escritor italiano, da Sicília, que desconheço e que não sei "se e quando" vou conhecer. Perguntaram-lhe se escrevia sobre os naufrágios de Lampedusa. Respondeu que tinha escrito o livro ("Notas de um naufrágio") para salvar a relação com o seu pai. É, os jornais dão-nos o mundo: por fora e por dentro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Uma dor

por Miguel Bastos, em 21.09.21

- Sabes, pai, está-me a doer aqui neste sítio.
- Terás batido nalguma coisa?
- Não, pai, acho que foi de jogar futebol.
- Levaste com uma bola? Foste contra algum menino?
- Acho que não. Foi de correr muito.
- Ahhh...
- Deve ser dor de burro.
- Hum. Quando chegares a casa, sentas-te a ler um livro e vais ver que ficas melhor.
- Porquê, pai?
- Porque os burros odeiam livros.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Fazer o pino

por Miguel Bastos, em 15.09.21
- Olá, pai! Sabes porque é que eu estou a fazer o pino?

- Não.

- Para sacudir a areia dos calções.

- Não era mais fácil tirar e sacudir os calções?

- Não, pai, assim dá menos trabalho. Estás a ver?

- Eu estou, mas acho que tu estás a ver tudo ao contrário.

- Porquê?

- Então, filho, porque estás a fazer o pino.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pôr do Sol

por Miguel Bastos, em 02.09.21

por do sol.jpg

Pai - Tens que lavar a cara, antes de sair.
Filho - Porquê?
Pai - Tens uns bigodes brancos.
Filho - A sério?
Pai - Sim, acho que é do leite.
Filho - Eu acho que é da moca.
Confirma-se, a novela "Pôr do Sol" é um programa para toda a família.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Afeganistão para crianças

por Miguel Bastos, em 31.08.21

cabul atentado.jpg

Filho - Pai, podes-me explicar o que é que está a acontecer no Afeganistão?

Pai - Bem, os americanos e os europeus estão a abandonar o país, que volta a ser governado pelos talibãs...
Filho- Que são os maus, certo?
Pai- Não é bem assim. Isto não é um filme do "Star Wars", com bons de um lado e maus do outro.
Filho- Não?
Pai- Não, é um bocadinho mais complexo.
Filho - Mas, os americanos não fizeram guerra aos talibãs?
Pai-Sim. Mas, agora, desistiram e os talibãs voltaram ao poder e...
Filho- E fizeram o atentado ao aeroporto.
Pai -Não, eles estavam a guardar o aeroporto, juntamente com os americanos.
Filho - Portanto, agora são bons...
Pai - Mais ou menos...
Filho - Então foram os outros terroristas, os do 11 de Setembro.
Pai-Também não. Parece que foram os do Estado Islâmico.
Filho - Ó pai, os americanos não foram para o Afeganistão para acabar com os terroristas?
Pai- Exato.
Filho- Os talibãs...
Pai - Não, os daAl-Qaeda.
Filho - Estes, os do aeroporto.
Pai - Não, este é outro grupo. É o Estado Islâmico, que apareceu depois da segunda invasão do Iraque.
Filho -Desculpa, pai, mas isto parece mesmo um filme do "Star Wars".
Pai - Tens razão, filho. Pensando bem, parece.
[Foto: Victor J. Blue - The New York Times]

Autoria e outros dados (tags, etc)

Jornais

por Miguel Bastos, em 13.07.21

balao.jpg

- Pai, tens jornais que me arranjes?
- Para quê?
- Para fazer um trabalho.
- Podes usar o Expresso da semana passada.
- Queres ver o que eu estou a fazer?
- Mostra lá.
- E obrigado pelos jornais. Já ninguém lê jornais, pois não?
- Algumas pessoas ainda leem, mas são poucas.
- Isso é um bocado triste, não é?
- É, porque, depois, os filhos não fazem artes plásticas.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2023

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D