Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Livros para não ler

por Miguel Bastos, em 20.11.20

mario zambujal.png

"Puta”. “Meretriz, queria a senhora dizer”. “Pois sim, senhor subchefe, também pode ser isso”. Cito a "Crónica dos bons malandros", de Mário Zambujal: um homem do jornalismo, da rádio, da televisão, dos livros. Pode-se ser isso tudo: alternada ou simultaneamente. Haja talento. Vem isto a propósito de um livro que tem, no título, a profissão referida. Ao que parece, o livro já esgotou a primeira edição - apesar de só sair hoje.
 
Há uns anos, num encontro de escritores, Rui Zink - que muitos conhecem da televisão - queixava-se do facto de um concorrente de um 'reallity show' estar em primeiro lugar no top de vendas de livros. Entre as regras desse programa, referia Rui Zink, estava a proibição de ler. Na altura, pareceu-me uma alegoria de Saramago (que também estava no encontro): as pessoas que não leem, andam a escrever livros, para pessoas que também não leem. Sendo assim, porque é que estas compram esses livros? Creio que compram por impulso e que alimentam a esperança (sincera) de que um dia os irão ler. Quero reconfortar estas pessoas: não se martirizem por não lerem esses livros. Lembrem-se que aquelas pessoas, das capas dos livros, também não leem e algumas nem sequer os escrevem.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Arnaldo e as meretrizes

por Miguel Bastos, em 19.10.15

arnaldo matos.jpg

O camarada Arnaldo resolveu insultar a “Frente de Esquerda”. Eu não repito o insulto, por pudor. Lembrei-me, então, de citar Mário Zambujal, na Crónica dos Bons Malandros:

 

“Profissão?”

(…)

“Putas…”

(…)

“Meretrizes, queria a senhora dizer…”

“Pois sim, senhor subchefe, também pode ser isso. Meretrizes.”

 

O camarada Arnaldo porta-se como um chefe de polícia “em cruzada contra o pecado”, mas com o vocabulário das profissionais do sexo. Chama “revisionista e social-fascista” a Jerónimo de Sousa; “canalha”, aos dirigentes do PCP; “meninas oportunistas” às dirigentes do Bloco “dito de Esquerda”; concluindo que “Isto é tudo um putedo!”. É extraordinário.

 

Ficámos com a ideia que, para os senhores maoístas, só há gente decente no PCTP/MRPP. Mas nem isso. O partido do “Morte aos Traidores” já suspendeu Garcia Pereira e outros três dirigente do partido por “incompetência, oportunismo e anti-comunismo primário”. E até fala em “autocrítica”, um termo maoísta que nunca deu saúde a nenhum senhor chinês.

 

Regresso a Mário Zambujal, que é um senhor de idade, com mais humor e inteligência. Na sua “Crónica dos Bons Malandro”, Arnaldo é descrito como um “brigão de mil vitórias”. O que dirá Zambujal deste Arnaldo?

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Novembro 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D