Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Política e futebol

por Miguel Bastos, em 26.09.18

valls barcelona.jpg

E eis que a lei Bosman chega à política. Manuel Valls - antigo primeiro-ministro francês - é candidato à Câmara de Barcelona. A lei Bosman, recorde-se, reconheceu que os futebolistas são trabalhadores comunitários E, assim sendo, tinham liberdade de circulação dentro do espaço europeu. Valls, que é também um trabalhador europeu, é contra a independência da Catalunha: um europeu, contra o nacionalismo. Se circula bem a bola, não sei. Mas aconselhava-lhe um bom empresário.

Autoria e outros dados (tags, etc)

República ou banana?

por Miguel Bastos, em 18.09.18

diario da republica.jpg

"Como se chama o jornal oficial do Estado onde são publicadas as normas legislativas do pais?" Foi pergunta do sabichão, esta manhã, na Antena 1. 
"Não sei", responde o mais novo.
"É o diário..." , diz a ajuda de casa.
"...de um Banana", reponde o mais novo, a sorrir.
E é isto, malta do Zig-Zag...

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

É proibido fumar

por Miguel Bastos, em 08.09.16

capa-do-album-e-proibido-fumar-de-roberto-carlos-1

Não está em causa se faz mal ou não. Faz. Se faz muito ou pouco. Faz muito. Fumar faz mal. E incomoda, sobretudo quem não fuma. E os fumadores não são gente muito defensável: põem beatas para o chão, atiram piriscas pela janela, etc. Mas também se deitam pastilhas elásticas, e papéis, e latas de refrigerantes, e nada disto está proibido. Nem deve estar.

 

Depois de proibir fumar dentro dos locais, o governo quer proibir que se fume à porta dos locais. Nada disto surpreende. Há, claramente, uma intensão de punir os fumadores. E isso é intolerável, mas não é surpreende. Quando dizia a colegas meus que o caminho era este, as pessoas achavam que estava a exagerar. Não estava. Porque isto já se tinha passado noutros países. Era uma questão de tempo. Passou-se da possibilidade de poder fumar dentro da maternidade (um disparate, evidentemente), para o “só se pode fumar a não sei quantos metros da maternidade”. E isto, por enquanto. Porque o objetivo é ir mais longe. Sempre.

 

Agora que já bateram que chegue nos fumadores, podem avançar para os gordos, os feios, os caixas de óculos, os diabéticos. E depois voltem. Há sempre mais qualquer coisinha que ficou por proibir… e denegrir. Não gosto desta cultura. Mete medo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Vai uma pinguinha?

por Miguel Bastos, em 14.04.15

ivone silva camilo.jpg

Acho que o célebre dueto Ivone Silva/Camilo de Oliveira não passaria hoje na televisão. Duas vedetas da comédia, bêbadas, a cantar “Que rico vinho” e “Vai uma pinguinha?”, seria visto como um mau exemplo. Ainda por cima, na televisão do Estado.

 

Vem isto a propósito da intenção do governo proibir a venda de álcool a menores de 18 anos. Pretende-se acabar com a distinção entre cerveja e vinho e bebidas destiladas. Dizia um senhor que era igual beber dois “shots" de vodca ou uma garrafa de vinho. O resultado é uma bebedeira. Porque é que não comparou uma garrafa de vinho com uma garrafa de vodca?

 

Também ouvi referências à Europa. Desculpem, um dos problema que temos é uma aproximação dos jovens portugueses ao tipo de consumo europeu, que varia entre a abstinência e a bebedeira de caixão à cova.

 

Falou-se da importância dos pais. Bem, eu comecei a beber vinho com o meu pai.

 

A primeira vez que fui jantar fora com a minha namorada tinha 17 anos. Comemos sopa e peixe grelhado. Bebemos vinho branco. Preparam-se, agora, para criminalizar esse acto hediondo.

 

“Está tudo grosso, está tudo grosso.”

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Outubro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D