Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Dia especial

por Miguel Bastos, em 02.01.23

- Foste trocar de roupa, papá?
- Sim, fui vestir uma camisa.
- Porque hoje é um dia especial, não é papá?
- É, filho.
- Para estarmos bonitos, não é?
- Exatamente.
- E tu estás muito bonito.
- Obrigado, filho.
- Estás de pijama, papá?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Boas Festas

por Miguel Bastos, em 23.12.22

O Natal é a festa da família. É, sobretudo, a festa das crianças. E as crianças são o pior do mundo. Porque são pirosas, coitadas!
A pensar nelas, fica aqui esta música e este vídeo, (que eu não gosto, evidentemente) com votos de Boas Festas.
Regresso ao meu covil avant-garde em 3, 2, 1...

Autoria e outros dados (tags, etc)

Postais de Natal

por Miguel Bastos, em 22.12.22

boas festas.jpg 

Toda a gente tem uma avó que faz as melhores rabanadas do mundo, o melhor bacalhau do mundo, a melhor aletria do mundo.
Nós, temos uma avó que faz isso tudo e, ainda, faz os melhores postais de Natal do mundo. Do mundo! Do nosso, pelo menos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Anos 70

por Miguel Bastos, em 15.12.22
- Gostas da minha roupa, pai?

- Gosto, estás muito giro.

- É um estilo anos 70.

- É?! Porquê?

- Então, não reparaste, pai?

- Em quê?

- Estou a preto e branco. Ah! Ah!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Cheiro a cera

por Miguel Bastos, em 07.12.22

20220908_163446.jpg 

As memórias têm cheiro. Os discos também. Este, cheira a cera. Daquela tradicional portuguesa, que se punha no chão de tábua corrida. O disco é brasileiro, bem sei: Caetano e Chico - os dois maiores da MPB - "Juntos e ao Vivo". Ouvimos muitas vezes, lá em casa. "Quando eu chego em casa nada me consola". Enquanto passávamos o esfregão de aço, para retirar a cera velha. "Você está sempre aflita". Enquanto varríamos o pó. "Lágrimas nos olhos, de cortar cebola". Enquanto passávamos a esfregona. "Todo o dia ela faz tudo sempre igual". Enquanto espalhávamos cera nova. "Todo dia eu só penso em poder parar". Enquanto puxávamos o brilho. "Eu quero é dar o fora". Quem não? Quem nunca? Caetano e Chico. Ah, aqueles dois! Aqueles dois sabiam da vida. Aqueles dois sabiam de nós. Encerar tornava-se poético, com Caetano e Chico a cantar o quotidiano. Devíamos-lhe isso. Pagámos-lhes, com cheiro a cera fresca, portuguesa, acabada de pôr.

Autoria e outros dados (tags, etc)

38 graus

por Miguel Bastos, em 30.11.22

- Tempo para hoje: chuva forte e muito vento. A temperatura vai rondar os 38 graus. Prevê-se, ainda, uma grande dor de cabeça.
- O que é que estás a fazer, filho?
- Estou a tentar animar o mano, que está doente.
- E as piadas estão a resultar?
- Acho que não.
- Que pena.
- Deve ser do mau tempo. Ai, que eu não me aguento!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comó Cavaco Silva

por Miguel Bastos, em 29.11.22

barroso soares cavaco.jpg 

A avó não parecia muito convencida.
- Então, mas ela não tinha acabado o curso?
- Já. Mas, agora, vai receber o diploma de doutoramento.
- Mas, ela não era doutora?
- Era. Quer dizer, mais ou menos. Era licenciada.
- Não percebo.
A avó não estava, mesmo, convencida.
- Quando as pessoas tiram o curso, são chamadas de doutora.
- Mas tinha acabado, ou não?
- Acabou. Mas, depois, tirou o mestrado e, de seguida, o doutoramento.
- Não percebo nada.
- Por exemplo, está a ver o Mário Soares?
- O que é que ele tem?
- Tem um curso, uma licenciatura. É, por isso, que dizemos "o doutor Mário Soares".
- Exato.
- Já o Cavaco Silva...
- Ele não fez o curso?
- Fez, mas fez mais do que isso. Depois de fazer o curso - como o Mário Soares - , foi estudar uns anos para o estrangeiro e tirou o doutoramento.
- Hum...
- Por isso, é que lhe chamam "Professor Cavaco Silva" ou, então, "Professor Doutor Cavaco Silva".
- Ahhh...
- Porque é doutor - como o outro - mas está um patamar acima. Para além de doutor, é professor.
Desta vez, a avó pareceu mais convencida. Uns dias depois, ouvi a conversa.
- Então a sua neta, está boa?
- Está. Sabe, ela agora é doutora...
- Sim, senhora. Parabéns!
- Mas não é "comó" Mário Soares, não.
- Ai, não?!
A avó, de peito inchado e dedo em riste.
- Não, ela, agora, é doutora "comó" Cavaco Silva!

Autoria e outros dados (tags, etc)

8 mil milhões

por Miguel Bastos, em 15.11.22

8 mil milhões, hoje. Confirma-se, somos mais que as mães.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Haja saúde

por Miguel Bastos, em 14.11.22

SAUDE LAR.jpg

Coisas que se encontram no lar da minha mãe. Saúde e Lar. Saudinha é o que é preciso.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Surdos

por Miguel Bastos, em 11.11.22

beethoven.jpeg

- Posso-te contar uma anedota?
- Claro, filho!
- Foi o meu professor de música que ma contou.
- Força!
- O Mozart, estava a dar um concerto num estádio e pergunta:
"Querem ouvir a minha nova sinfoooiiiiaaa?"
"...."
"Mais altooooo!"
"...."
"Não ouço nadaaaa!"
- Aaah...
- Percebeste, pai?
- Mais ou menos. Não seria o Beethoven?
- Como?
- O Beethoven é que ficou surdo.
- O Mozart ou o Beethoven...
- Convém que não confundas, senão ainda chumbas...
- Achas?!
- ... e, depois, ficas surdo.
- Como o Beethoven?
- Exato, uma das causas da surdez pode ter sido o excesso de chumbo.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Janeiro 2023

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2016
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2015
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D