Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


TELEPROMOÇÃO

por Miguel Bastos, em 29.06.20

professora isa.jpg

Agora que a professora Isa se foi embora, é tempo de afastar os livros - que fazem mal aos olhos - e voltar aos programas da manhã - que fazem bem aos ossos. Faça já a sua encomenda.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Rádio

por Miguel Bastos, em 24.06.20

radio.JPG

Durante semanas e semanas, preparei o escritório cá de casa para que uma pobre e honesta televisão me convidasse para uma videochamada. Espanei paredes, dei brilho às estantes, aconcheguei os livros. Mas, depois, veio a rádio: rica, poderosa e sedutora. A rádio: vestida para matar, com os seus fios e os seus cabos. Eu sei que devia resistir, mas não consigo. A rádio é fraca.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sem Covid

por Miguel Bastos, em 18.06.20

Acabo de descobrir que ainda não há casos registados de COVID-19, na Antártida. Até me mudava para lá... mas tenho medo do reumatismo. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O que é que se passa

por Miguel Bastos, em 15.06.20

marvin.JPG

Racismo, violência policial, pobreza, desemprego, manifestações: eis o que o irmão de Marvin Gaye encontrou nos Estados Unidos, ao regressar da guerra do Vietnam. Marvin inspirou-se nesse regresso para escrever novas canções e acrescentou os seus dramas pessoais: a morte da cantora Tammi Terrell, a instabilidade do seu casamento ou a relação difícil com a sua editora. Com o debate racial, de novo, em cima da mesa tive vontade de regressar a "What's going on". Poderia ser um disco escuro, amargo e violento. Mas, curiosamente, Marvin Gaye canta sobre a morte das pessoas ou do planeta, com a sua voz doce de sempre e sobre um tapete sonoro elegante, sensual e sofisticado.

Marvin Gaye assinou a sua obra prima, há quase 50 anos. O disco permanece, surpreendentemente, actual: pelas melhores e pelas piores razões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

35 anos na CEE

por Miguel Bastos, em 12.06.20

cee.jpg

Soares 85, Cavaco 85, PRD 85, BCP 85, Continente 85, Amoreiras 85, Freitas 86, Soares 86, Madredeus 87, Maioria absoluta 87, FP-25 87, Chiado 88, Rosa Mota 88, Independente 88, Berlim 89, TSF 89, Público 90, A1 91, Timor 91, BES 91, Sub 20 91, Maastricht 92, SIC 92, CCB 92, Geração Rasca 92, Monteiro 92, Siza 92, Cunhal 92, Lisboa 94, Ponte 25 Abril 94, Guterres 95, Sampaio 96, Portas 97, Aborto 98, Ponte Vasco Gama 98, Expo 98, Saramago 98, Amália 99, Bloco 99, Timor 99, Macau 99, Serralves 99, Figo 2001, Porto 2001, Barroso 2002, €uro 2002, Casa Pia 2002, Euro 2004, Santana 2004, Sócrates 2005, Casa Música 2005, BCP 2006, Cavaco 2006, Aborto 2007, Ronaldo 2008, BPN 2008, Fado 2011, Troika 2011, Souto Moura 2011, Passos 2011, BES 2014, Operação Marquês 2014, PT 2015, Oliveira 2015, Costa 2015, Marcelo 2016, Euro 2016, Guterres 2016, Eurovisão 2017, Incêndios 2017, Covid 2019, Brexit 2020. Portugal assinou a Adesão à CEE em 1985. São 35 anos na Montanha Russa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Dia de Portugal

por Miguel Bastos, em 10.06.20

erros meus.jpg

"O meo fim de semana foi só bricar, ver firmes e fazer preguissa". Caro Luís Vaz, será que consegues ajudar o meu aprendiz da língua de Camões? Hoje não, evidentemente, que é o teu dia. Mas, talvez para a semana ou assim... Lembrei-me de ti, porque causa daquela coisa do "Erros meus, má fortuna"... 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Jarabe de Palo

por Miguel Bastos, em 09.06.20

Morreu Pau Donés, cantor dos Jarabe de Palo. A banda espanhola/catalã (pouco conhecida em Portugal) dedicou-se a misturar pop, rock e blues, com música latina e rumba catalã. Por estes dias, em que o racismo voltou a ser falado pelas piores razões (e é sempre pelas piores razões) lembrei-me muitas vezes deste tema: "En el puro no hay futuro" mistura vários estilos musicais, numa canção que enaltece a mistura racial. Diz o refrão :

"Señores, en lo puro no hay futuro
Señores, la pureza está en la mezcla
Señores, en la mezcla de lo puro
Señores, que antes que puro fue mezcla"
 
O resto da canção também é uma delícia. O Jarabe (Xarope) é que está menos doce.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Eu e o Salazar

por Miguel Bastos, em 08.06.20

salazar saraiva.jpg

O novo livro de José António Saraiva chama-se "Salazar - A Queda de Uma Cadeira que Não Existia". Confesso, estou desiludido: depois de "Eu e os Políticos" e de "Eu e os outros" tinha a expectativa (mais do que legítima!) de que um livro de José António Saraiva sobre Salazar se chamasse "Eu e o Salazar". Não foi, no entanto, a escolha do antigo diretor do Expresso e do Sol. Fica a minha sugestão. Já que se propõe a desmistificar a queda de Salazar de uma cadeira, durante as férias deste no Forte de S. António do Estoril, José António Saraiva poderia chamar ao livro "As minhas férias com Salazar". É um título muito original e mais próximo do universo do autor. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

O mundo pula. E avança?

por Miguel Bastos, em 05.06.20

E pronto, cá se vai desconfinando, enquanto o número de infetados vai subindo... A época balnear está à porta.... Vêm aí uns feriados jeitosos... O futebol também voltou... E é isto : "o mundo pula e avança como bola colorida" e, depois, volta à casa da partida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Palma: 70 anos

por Miguel Bastos, em 04.06.20

palmas.jpg

Em 1985, estávamos acampados a 15 quilómetros de casa. Mas era como se estivéssemos noutro continente. Vivíamos numa tenda grande, sem água nem luz. Andávamos sem relógio. Mergulhávamos no mar, em jejum. Líamos ao sol ou à lareira. Tomávamos banho ao ar livre. Ensaiávamos palavras em inglês, com estrangeiros altos e louros. A única coisa de que sentíamos falta era do Jorge Palma. "O lado errado da noite" tinha entrado lá em casa, pouco dias antes de partimos para a nossa aventura. O disco tinha-nos deixado surpreendidos, boquiabertos, maravilhados. Tinha qualquer coisa de Sérgio Godinho e de Neil Young. Era estranho e familiar, ao mesmo tempo. 

Hoje, fui surpreendido pelos 70 anos "redondos" de Jorge Palma e procurei "O lado errado da noite". Encontrei-o entre o Julio Iglesias, da minha mãe, e os Joy Division, da minha adolescência. O Jorge é um velho amigo da família. Ele não sabe, claro, mas é. Palmas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Junho 2020

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D